Tamanho do texto

O Pepro é um mecanismo em que o governo, em momentos de baixa das cotações, paga ao produtor a diferença entre o valor de mercado do produto e o preço mínimo oficial

Reuters

Os recursos para leilões de Pepro de trigo haviam sido anunciados no início do mês
Divulgação
Os recursos para leilões de Pepro de trigo haviam sido anunciados no início do mês

O governo federal liberou us$ 150 milhões para leilões de subvenção ao preço do trigo da safra 2014, segundo portaria interministerial publicada nesta segunda-feira (22) no Diário Oficial da União.

LEIA MAIS: Bunge ampliará liderança em moagem de trigo no Brasil com novo moinho

O apoio ao mercado será feito por meio de leilões de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro) realizados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

O Pepro é um mecanismo em que o governo, em momentos de baixa das cotações, paga ao produtor a diferença entre o valor de mercado do produto e o preço mínimo oficial.

Os recursos para leilões de Pepro de trigo haviam sido anunciados no início do mês pelo ministro da Agricultura, Neri Geller.

Na ocasião ele também disse que serão destinados US$ 200 milhões para Aquisição do Governo Federal (AGF) de trigo, por meio da qual o governo acumula estoques.

O Paraná, principal Estado produtor de trigo no país, já está em meio a uma colheita recorde do cereal.

A média de preços no mercado disponível à vista do Paraná na semana passada caiu a R$ 516,49 por tonelada, menor cotação desde meados de julho de 2012, segundo avaliação Cepea/Esalq.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.