Tamanho do texto

A autorização vale desde quinta-feira, segundo técnicos do governo, e foi concedida após acordo informal para destravar o comécio bilateral

A carne suína produzida no Brasil está autorizada a ingressar na Argentina desde quinta-feira, informaram nesta sexta-feira técnicos do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, presentes na cúpula dos presidentes do Mercado Comum do Sul (Mercosul) em Mendoza, na Argentina.

A medida é a primeira no sentido de se cumprir um acordo informal fechado na quarta-feira para destravar o comércio bilateral, acertado entre as secretárias de Comércio Exterior do Brasil, Tatiana Prazeres, e da Argentina, Beatriz Paglieri.

Ao longo dos próximos dias o Brasil também deverá acelerar o processo de concessão de licenças não automáticas, impostas para produtos argentinos como frutas, farinha de trigo, azeite de oliva, azeitona e batata, entre outros.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.