Tamanho do texto

Laboratório que aparece no rótulo do medicamento como responsável pela fabricação negou responsabilidade

A Anvisa determinou a apreensão e a inutilização de todos  os lotes do medicamento  identificado Ledisofo (Ledipasvir/Sofosbuvir) 90mg/400mg cápsulas. De acordo com a agência, o remédio, utilizado no tratamento de hepatite C, tem origem desconhecida, sendo assim considerado falso.

Laboratório negou responsabilidade de fabricação do medicamento considerado falso
Reprodução de Internet
Laboratório negou responsabilidade de fabricação do medicamento considerado falso

No rótulo do medicamento há a informação de que o LAFEPE é responsável pela fabricação do produto. Apesar disso, a informação foi negada pela empresa. Diante da alegação do laboratótio e da ausência de registro de funcionamento, a agência definiu fazer o bloqueio ao Ledisofo.

A medida de interesse sanitário, válida para todo o território nacional, passou a valer imediatamente após a publicação na edição desta terça-feira (18) no Diário Oficial da União (DOU).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.