Tamanho do texto

Valor pago por companhia de investimento de Abilio Diniz chega a R$ 1,8 bilhão; Brasil é o 2º mercado do grupo francês

Abilio Diniz
Divulgação
Abilio Diniz

O grupo Carrefour anunciou nesta quinta-feira (18) a aquisição de 10% da operação brasileira pela companhia de investimentos Península, do empresário e ex-dono do Pão de Açúcar Abilio Diniz. O fechamento da transação tem efeito imediato.

A Península, por meio de seu fundo de investimentos (Península II Fundo de Investimento em Participações), investiu R$ 1,8 bilhão (€ 525 milhões) para a aquisição de uma participação de 10% na subsidiária brasileira do Carrefour, avaliando a companhia em R$ 20,4 bilhões. Adicionalmente, a Península Participações detém opções que permitem o aumento de sua participação até o limite máximo de 16% nos próximos cinco anos.

Leia mais:  Os 60 mais poderosos do País – Abilio Diniz

Abílio Diniz afirma que Casino agiu precipitadamente

Segundo comunicação do Carrefour, essa transação representa um primeiro passo significativo no plano anteriormente anunciado por Georges Plassat, Chairman e CEO do grupo Carrefour, de trazer investidores externos para o capital de sua subsidiária brasileira para reforçar os seus laços locais e apoiar o seu crescimento. "Isso permitirá ao Carrefour beneficiar-se da experiência amplamente reconhecida do seu novo acionista no varejo brasileiro para desenvolver o seu modelo multiformatos", diz o Carrefour.

A abertura do capital da subsidiária brasileira também poderá contemplar, no futuro, uma listagem na bolsa brasileira.

Em 2013, as vendas da rede no Brasil chegaram a R$ 34 bilhões, o que torna o Brasil o segundo maior mercado do grupo Carrefour.

De acordo com informações do Carrefour, o grupo vive no País um plano de desenvolvimento, que inclui a renovação e expansão de sua rede de lojas (com as bandeiras Carrefour, Carrefour Bairro e Atacadão) e o desenvolvimento de novos formatos de lojas de conveniência sob as bandeiras Express e Supeco. O grupo prepara ainda o relançamento de suas atividades de e-commerce para o segundo semestre de 2015 e o desenvolvimento de seus ativos imobiliários em torno de algumas de suas lojas.

Desde abril de 2013, Diniz é presidente do Conselho de Administração da BRF.

Conheça as famílias mais ricas do Brasil: