Tamanho do texto

Sunday Times atribui informação ao diretor financeiro da empresa Brian Gilvary, que admitiu mudanças em projetos

Reuters

A petroleira britânica BP deve cortar gerentes de nível médio e poderia congelar projetos enquanto lida com o preço do petróleo em queda livre, publicou o jornal The Sunday Times, citando o diretor financeiro Brian Gilvary.

Petroleira britânica BP pode alterar rumos de alguns projetos, ainda não divulgados
Reuters/BBC
Petroleira britânica BP pode alterar rumos de alguns projetos, ainda não divulgados

Leia mais:  Petrobras inicia produção de derivados de petróleo na Refinaria Abreu e Lima

Mundo inteiro será afetado pela queda nos preços do petróleo, afirma Dilma

"O que você vai ver com este plano de simplificação é que empregos estão começando a diminuir em todas nossas atividades, tanto nas anteriores a refino (upstream) até transporte e distribuição de produtos (downstream) e centros corporativos", o afirmou o jornal citando Gilvary.

Na quarta-feira, a BP vai atualizar os planos de exploração e produção até 2010. Gilvary disse ao jornal que a queda do preço do petróleo não deve afetar os planos de longo prazo, mas alguns projetos podem ser atrasados ou descartados.

"Temos flexibilidade para cortar no próximo ano, se precisarmos em um novo mundo de petróleo de 70 ou 60 dólares (o barril)", disse ele.

A BP não comentou o assunto.