Tamanho do texto

Companhia aérea poderá participar do processo de privatização da Aena, responsável pela operação dos aeroportos no país ibérico

Reuters

A empresa aérea de baixo custo Ryanair tem interesse em participar da privatização da operadora de aeroportos espanhola Aena, da qual o governo quer vender uma fatia minoritária, disse o chefe de marketing Peter Bellew nesta terça-feira (17).

"Nós achamos que eles deveriam vender 100% da Aena, mas nós estamos interessados no processo todo", disse Bellewi.

Veja os aeroportos com os pousos mais impressionantes do mundo:

A Ryanair é uma das maiores clientes da Aena, junto com IAG, a controladora da British Airways e das espanholas Iberia e Vueling.

O governo espanhol disse na semana passada que quer vender até 49% da altamente endividada Aena, maior operadora de aeroportos do mundo avaliada em cerca de € 16 bilhões.

O plano é vender 28% da Aena numa oferta de ações e leiloar outros 21% para investidores de longo prazo.

"Nós atendemos essas condições. Nós temos dinheiro e nós somos investidores de longo prazo", disse Bellew.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.