Tamanho do texto

Aneel já havia rejeitado na semana passada pedido de impugnação do edital do leilão feito pela Cesp

Reuters

A Justiça Federal negou nesta terça-feira (25) pedido e liminar da Cesp para suspender a realização do leilão da hidrelétrica Três Irmãos, marcado para a próxima sexta-feira (28).

-Leia também: estatal entra na Justiça para impedir leilão de usina Três Irmãos

A usina está sendo licitada porque a Cesp se recusou a aderir, em 2012, ao plano do governo federal de renovação condicionada das concessões de geração. Assim, como o contrato da usina já venceu, o governo vai relicitá-la.

A decisão do Tribunal Regional Federal da Primeira Região, da seção judiciária do Distrito Federal, foi assinada pela juíza Luciana de Moura.

Justiça nega pedido da Cesp para suspender leilão de Três Irmãos
Getty Images
Justiça nega pedido da Cesp para suspender leilão de Três Irmãos

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) já havia rejeitado na semana passada pedido de impugnação do edital do leilão feito pela Cesp.

A empresa também entrou com recurso no Tribunal de Contas da União (TCU) e esperava que o órgão tomasse uma decisão, analisando o seu questionamento sobre a exclusão de eclusas e de canal de navegação do edital, antes do leilão.

Mas como o tema não entrou na pauta da reunião da plenária do TCU na semana passada, a empresa decidiu entrar na sexta-feira (21) com o mandado de segurança na Justiça Federal de Brasília pedindo liminar para impedir o leilão.

Uma eventual decisão do TCU, porém, pode sair antes do leilão, já que por se tratar de uma cautelar, precisa de apenas uma deliberação do ministro relator, a ser referendada posteriormente pelo plenário.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.