Tamanho do texto

Informação foi dada pelo Tribunal de Justiça do Rio, no qual tramita o processo de recuperação judicial da empresa

O leilão de objetos do escritório da subsidiária da Óleo e Gás Participações (OGPar), a OGX, do empresário Eike Batista, foi cancelado, de acordo com informação dada nesta quarta-feira (12) pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, onde tramita o processo de recuperação judicial da empresa. 

Os 718 objetos do leilão, que seriam arrematados nesta quarta-feira, se dividiam entre material de escritório, objetos de telefonia e utensílios de cozinha da petroleira. 

Leia também: Leilão da OGX, de Eike: kit de xícaras já tem lance de R$ 220

Eram armários, notebooks, baias de trabalho, persianas, sanduicheiras, liquidificadores, fragmentadoras de papéis, uniformes, taças, talheres e até kit com canetas do tipo marca-texto.

O lance inicial para o kit de xícaras com o logo da petroleira foi de R$ 30, mas o valor já atingia R$ 220 na tarde de terça-feira (11), um ágio de 86,4%. A  maioria dos objetos tiveram lance inicial de até R$ 100.

Segundo informações do site Sold, que realizou o leilão, o certame ocorreu normalmente. Procurada, a OGPar diz que não se pronuncia sobre o caso.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.