Tamanho do texto

No ano, grupo teve lucro líquido de R$ 238 milhões, quase três vezes o resultado positivo de R$ 87 milhões obtido em 2012

Reuters

A Votorantim Industrial atua em segmentos como metais, cimento e mineração
Divulgação/Votorantim
A Votorantim Industrial atua em segmentos como metais, cimento e mineração

A Votorantim Industrial, que atua em segmentos como metais, cimento e mineração, divulgou nesta terça-feira que encerrou o quarto trimestre com prejuízo de R$ 34 milhões, revertendo resultado positivo de 753 milhões obtido um ano antes.

No ano, o grupo teve lucro líquido de R$ 238 milhões, quase três vezes o resultado positivo de R$ 87 milhões obtido em 2012.

A companhia informou que excluindo eventos não recorrentes e sem efeito no caixa da empresa, a Votorantim Industrial teria registrado lucro líquido de R$ 1,2 bilhão de reais em 2013.

Entre os eventos não recorrentes estão suspensão de projeto de níquel na Bahia em novembro após forte queda nos preços internacionais do metal.

Veja também:  McDonald's lucra menos no Brasil em 2013

A divisão de cimentos apurou margem de lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de 31%, enquanto a divisão de metais teve margem de 10%. Já a área de mineração no Peru teve margem Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de 36% e a divisão de aço de 14% no quarto trimestre.

A dívida total do grupo fechou 2013 em R$ 23,4 bilhões, alta de 5,1% sobre o total de 2012. Enquanto isso, o caixa somou R$ 6,6 bilhões, alta de R$ 500 milhões sobre o ano anterior. A relação dívida líquida sobre Ebitda, ficou em 3,12 vezes, abaixo do nível de 2012.

Na véspera, a Votorantim Industrial anunciou que iniciou oferta para recomprar até US$ 1 bilhão em dívida. No final de janeiro, a unidade de cimento do grupo paralisou os planos para uma oferta pública inicial de ações (IPO) por causa de turbulências nos mercados de capitais.

Leia também:  UniCredit tem prejuízo de € 14 bilhões em 2013 com baixas contábeis

"Temos a convicção de que a capacidade de execução, gestão sobre a operação, inovação e disciplina no investimento de capital continuarão a ser peças-chave para continuar entregando resultados consistentes em 2014", afirmou o diretor-geral João Miranda, em comunicado à imprensa.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.