Tamanho do texto

A capacidade total da companhia caiu em 5,7% e a taxa de ocupação cresceu 4,2 pontos percentuais, para 82,9%

Reuters

O Grupo Latam Airlines informou nesta segunda-feira (10) que o tráfego total de passageiros caiu 0,7% em fevereiro na comparação anual, apesar do crescimento de 0,5% em suas operações no Brasil.

A capacidade total da companhia caiu em 5,7% e a taxa de ocupação cresceu 4,2 pontos percentuais, para 82,9%.

-Leia também: TAM é condenada a indenizar passageiros por overbooking

No Brasil, onde a empresa atua por meio da TAM, a oferta recuou 7,2%, e a taxa de ocupação chegou a 82%, após crescimento de 6,3 pontos percentuais.

O tráfego doméstico de passageiros em países de língua espanhola da TAM aumentou 7,4%
Divulgação
O tráfego doméstico de passageiros em países de língua espanhola da TAM aumentou 7,4%

O tráfego doméstico de passageiros na operação da companhia em países de língua espanhola (Argentina, Chile, Peru, Equador e Colômbia) aumentou 7,4%, enquanto a capacidade cresceu 5,7%, disse a Latam. A taxa de ocupação no segmento aumentou 1,4 ponto percentual, chegando a 84,1%.

No setor internacional, o tráfego de passageiros diminuiu 3,8%, e a capacidade foi reduzida em 8,2%, com aumento da taxa de ocupação para 82,9%.

O tráfego de carga do grupo caiu 0,8%, a oferta recuou 5,7% e a taxa de ocupação foi de 58,6%.

"A diminuição na capacidade de carga é resultado de menor disponibilidade de espaço nos porões de aeronaves de passageiros e de uma menor operação de cargueiros", informou a Latam.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.