Tamanho do texto

Mudança reflete contínuo enfraquecimento dos resultados operacionais da companhia

Agência Estado

O rating em escala nacional foi cortado para A(bra), de A+(bra); a perspectiva é estável
Divulgação
O rating em escala nacional foi cortado para A(bra), de A+(bra); a perspectiva é estável

A agência de classificação de risco Fitch Ratings rebaixou nesta terça-feira (2) o rating em escala global da Brookfield Incorporações e de sua subsidiária Brookfield São Paulo Empreendimentos Imobiliários para B+, de BB-.

-Veja também: cenário interno faz ações de construtoras perderem até metade do valor em 2013

O rating em escala nacional foi cortado para A(bra), de A+(bra). A perspectiva é estável. Segundo a Fitch, o rebaixamento reflete o contínuo enfraquecimento dos resultados operacionais da Brookfield Incorporações.

"As métricas de crédito da companhia se deterioraram consideravelmente em 2012 e a Fitch não acredita que vão retornar para patamares compatíveis com o rating anterior no médio prazo", disse a empresa em comunicado.

Após a redução, a Fitch retirou o rating da Brookfield SP, que não é mais considerado relevante dentro da posição consolidada da Brookfield Incorporações.