Tamanho do texto

SoftBank aumentou sua oferta pela empresa norte-americana para US$ 21,6 bilhões

Reuters

Compra da Sprint Nextel pode ser maior aquisição, na história, de uma empresa japonesa no exterior
Getty Images
Compra da Sprint Nextel pode ser maior aquisição, na história, de uma empresa japonesa no exterior

A japonesa SoftBank avançou na tentativa de comprar a Sprint Nextel, depois que a rival Dish Network recusou-se a fazer uma nova oferta pela operadora de telefonia celular norte-americana.

O presidente-executivo da SoftBank, Masayoshi Son, está agora um passo mais perto de selar a maior aquisição, na história, de uma empresa japonesa no exterior, após ter aumentado sua oferta pela Sprint Next para US$ 21,6 bilhões, na semana passada.

"Estamos ansiosos para recebermos as aprovações de acionistas e da Comissão Federal de Comunicações (FCC), o que permitirá fecharmos a operação no início de julho para começarmos o trabalho duro de transformar a nova Sprint em um terceiro concorrente significativo no mercado dos EUA", disse a empresa em comunicado.

Leia também: Acer estima vendas estáveis de notebooks no segundo trimestre

A SoftBank, uma das principais operadoras de telefonia móvel do Japão, tem afirmado que a Sprint poderá cortar custos com equipamentos, como smartphones. Enquanto a empresa pode oferecer sua experiência em tecnologia sem fio para a operadora norte-americana.

"A vantagem da SoftBank é realmente sobre a sinergia entre as duas empresas ... em termos de distribuição e varejo", disse Hiroshi Yamashina, analista sênior de telecomunicações do BNP Paribas, em Tóquio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.