Tamanho do texto

Vendas dos veículos de luxo da montadora atingiram 139.161 automóveis. Demanda dos Estados Unidos e da China ajudou a impulsionar o resultado do grupo

Reuters

Demanda dos Estados Unidos e da China ajudou a impulsionar o resultado da montadora
Bloomberg via Getty Images
Demanda dos Estados Unidos e da China ajudou a impulsionar o resultado da montadora

As vendas dos veículos de luxo da BMW subiram 7,8% em maio, para 139.161 automóveis, segundo informou a empresa alemã, nesta segunda-feira, superando os números apresentados pelas concorrentes Audi e Mercedes-Benz.

A BMW afirmou que a demanda dos Estados Unidos e da China ajudou a impulsionar o resultado do grupo, incluindo as marcas Mini e Rolls-Royce, em 6% no último mês, para um recorde de 166.397 veículos.

Veja também: Consumidores de luxo chineses alimentam economia espanhola

A Audi, que pertence à Volkswagen e é a rival mais próxima da maior fabricante de carros de luxo do mundo, reportou aumento de 6,4% nas vendas mensais, com a comercialização de 137.200 veículos. A Mercedes Benz, da Daimler, divulgou vendas de 121.360 veículos, um acréscimo de 7,3 por cento no resultado mensal.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.