Tamanho do texto

Há cerca de duas semanas a empresa anunciou a assinatura de protocolo de intenções com a Petrobras para viabilizar suas reservas no Amazonas

Reuters

A HRT iniciou a perfuração do poço 1-HRT-10-AM, na bacia do Solimões, informou a empresa em comunicado nesta quarta-feira.

O poço está no prospecto Tucumã, localizado no bloco SOL-T-192, no município de Tefé, no Amazonas.

"Caso obtenha sucesso, este poço comprovará a existência de um novo alinhamento para hidrocarbonetos na bacia e estenderá a região produtora da bacia para sul, reduzindo os riscos geológicos nas áreas de fronteira da HRT", disse a empresa.

O poço situa-se a aproximadamente 30 km ao sul do Campo de Juruá, onde a HRT já fez outras descobertas e denominou a região como uma "nova fronteira exploratória na bacia do Solimões".

Na área, a empresa informou a presença de hidrocarbonetos nos poços 1-HRT-5-AM, 1-HRT-8-AM e 1-HRT-2-AM. Avaliações preliminares da empresa mostraram potencial de vazão para produzir até 3 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia, quando atingir sua fase de desenvolvimento.

O potencial da região como um pólo produtor de gás fez com que a HRT acelerasse o plano de monetização de suas reservas.

As várias descobertas de gás da HRT na região ainda precisam, no entanto, um maneira viável para serem escoadas. Uma dificuldade é a grande distância da produção dos centros consumidores.

Há cerca de duas semanas a empresa anunciou a assinatura de protocolo de intenções com a Petrobras para viabilizar suas reservas no Amazonas.

O objetivo da parceria é "integrar esforços para avaliar a viabilidade técnica, econômica, ambiental, financeira, jurídica, regulatória e tributária para a implementação da monetização do gás natural vinculado às concessões em áreas contíguas ao Campo de Juruá", disse a HRT em fato relevante na ocasião. ID:nL1E8LF6K1]

Às 11h15 as ações da empresa subiam 5,50%, a R$6,33. No mesmo horário o Ibovespa subia 0,43%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.