Tamanho do texto

Em comparação com igual período do ano passado, quando foram verificados 108 pedidos de falência de empresas, houve aumento de 25%

Indicador da Serasa Experian mostra que em setembro foram registrados 135 pedidos de falência em todo o País, uma queda de 29,7% em relação aos 192 requerimentos de agosto. Em comparação com igual período do ano passado, quando foram verificados 108 pedidos de falência de empresas, houve aumento de 25%.

Do total de 135 pedidos de falência registrados em setembro, 82 foram feitos por micro e pequenas empresas, 32 por médias e 21 por empresas de grande porte.

O setor técnico da Serasa Experian avaliou, segundo nota divulgada pela empresa nesta quinta-feira que a queda no número de falências é decorrente da redução dos juros e da diminuição gradual da inadimplência do consumidor.

Além disso, eles avaliaram que o ambiente está favorável para a geração de receitas em decorrência de quatro fatores: recuperação econômica, estímulos ao consumo, encomendas para o Dia da Criança e início dos pedidos para o Natal.

O indicador é feito a partir de estatísticas provenientes dos fóruns, varas de falências, dos Diários Oficiais e da Justiça dos Estados.