Tamanho do texto

Segundo três fontes próximas à operação, negócio pode avaliar a companhia em até US$2 bilhões

Reuters

O grupo de investimentos Blackstone está perto de um acordo para comprar a empresa de segurança Vivint, segundo três fontes próximas à operação, em um negócio que pode avaliar a companhia em até US$2 bilhões.

Um anúncio pode ser realizado a partir de quarta-feira, disse uma outra fonte com conhecimento do assunto.

A Vivint, que fornece tecnologia doméstica e serviços de automação, está explorando uma oportunidade de venda e, como noticiou a Reuters em 5 de setembro, atraiu o interesse de três empresas de private equity: Blackstone, Ares Management LLC e GTCR LLC.

A Blackstone prevaleceu sobre as outras empresas de aquisição no leilão, disseram fontes próximas à transação nesta terça-feira.

As fontes exigiram anonimato porque a questão não é pública. Representantes da Vivint se recusaram a comentar. A Blackstone não respondeu a pedidos de comentários.

A norte-americana Vivint, sediada no Estado de Utah, tem Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) de cerca de US$260 milhões e pode ser avaliada entre US$1,5 bilhão e US$2 bilhões no caso de uma venda, disseram anteriormente fontes à Reuters.