Tamanho do texto

Com a receita original e o mesmo slogan, a empresa volta a comercializar o chocolate que foi sucesso de vendas na década de 80, mas sumiu das prateleiras no final dos anos 90

O chocolate Lollo, ou Milkybar,  volta às prateleiras neste mês em embalagem individual e multipack
Divulgação
O chocolate Lollo, ou Milkybar, volta às prateleiras neste mês em embalagem individual e multipack

A Nestlé voltará a comercializar o chocolate que foi ícone na década de 80 e líder de vendas até o início dos anos 90. A partir deste mês, o Lollo volta ao mercado com a receita original e mesma identidade visual para conquistar os saudosistas.

Com o mote “Ele voltou!”, o chocolate passa a integrar definitivamente a caixa de Especialidades Nestlé na sua versão mini e também poderá ser encontrado, por tempo limitado, em embalagem individual de 28g e multipack com três unidades de 28g cada.

Leia também:  Nestlé, Samsung e Adidas são as marcas preferidas da classe C

Para quem não se lembra do nome Lollo, o chocolate foi rebatizado de Milkybar a partir de 1992. Nessa época, o consumo médio de chocolate pelos brasileiros era de apenas 1 kg por habitante ao ano, a matriz da Nestlé na Suíça acreditava que os investimentos para manter uma marca nacional não valiam a pena e por isso, alinhou o nome do produto ao padrão global. Hoje, cada habitante consome uma média de 2,5 kg ao ano e o chocolate volta às prateleiras com o nome brasileiro.

Para relançar o produto, a companhia mediu o grau de lembrança entre os consumidores e também estudou a viabilidade de reproduzir a receita original. Já se passaram 20 anos desde a interrupção na produção do Lollo, o maquinário não é mais o mesmo, mas a Nestlé promete que não haverá alterações na receita.