Tamanho do texto

Produção inicial do primeiro poço em Anchieta é de 20 mil barris diários de petróleo

Reuters

A Petrobras iniciou na segunda-feira à noite a produção de petróleo na plataforma tipo FPSO Cidade de Anchieta, no pré-sal da bacia de Campos, de acordo com comunicado divulgado ao mercado nesta terça-feira.

A produção inicial do primeiro poço já interligado ao FPSO (plataforma flutuante que produz, armazena e exporta óleo e gás) é de 20 mil barris diários de petróleo.

Outros nove poços (seis produtores e três injetores de água) serão interligados à plataforma nos próximos meses, e a previsão é de que o pico de produção, de 100 mil barris por dia, seja atingido em fevereiro de 2013.

Segundo a estatal, a unidade foi instalada no campo de Baleia Azul, no complexo denominado Parque das Baleias, na porção capixaba da bacia de Campos.

O óleo a ser produzido, de 28 graus API, é considerado leve e de alto valor comercial.

O FPSO Cidade de Anchieta foi convertido (de navio para plataforma) no estaleiro Keppel, em Cingapura. Ele destina-se exclusivamente à produção da camada pré-sal dos campos de Baleia Azul, Jubarte e Pirambu, todos localizados no Parque das Baleias, onde a Petrobras detém 100 por cento de participação.