Tamanho do texto

O primeiro navio de perfuração encomendado pela Maersk, e que será utilizado no projeto, será entregue pela Samsung Heavy Industries

A Maersk Drilling, unidade de exploração de óleo e gás do grupo dinamarquês A.P. Moller-Maersk, assinou contrato de US$ 610 milhões com uma grande petroleira global para prestação de serviços de perfuração e exploração no Golfo do México.

Petróleo opera em queda de quase 3%

Conforme a Maersk, esse primeiro contrato com a petroleira, cujo nome não foi divulgado, tem prazo de três anos, contado a partir do fim de 2013.

O primeiro navio de perfuração encomendado pela Maersk - e que será utilizado no projeto - será entregue pela Samsung Heavy Industries.

Em comunicado, a Maersk destacou que as operações no Golfo do México continuam como foco do grupo, após o acidente em Macondo, em 2010, e o recuo posterior nos negócios naquela região. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.