Tamanho do texto

Em entrevista ao programa Pra Frente Sempre, o especialista em administração financeira conta sua história de superação e sucesso

Imagine a seguinte história: um jovem israelense resolve aceitar uma oportunidade de trabalhar com vendas no Brasil depois de três anos de serviço militar obrigatório em sua terra natal. Sem amigos e nenhum conhecimento do idioma, encara o desafio, passa por necessidades chegando a se alimentar somente de shakes e pão com manteiga, mas em dez anos consegui atingir a sua total independência financeira, vira palestrante de sucesso e publica um livro. O que parece um roteiro de filme, na verdade é a vida do convidado dessa semana do programa Pra Frente Sempre , Ben Zruel, especialista em administração financeira.

Veja:  Empreendedora de primeira viagem, Mari Belém fala de sucesso com blog para mães

Ben Zruel em entrevista para o Programa Pra Frente Sempre
Reprodução/TV iG
Ben Zruel em entrevista para o Programa Pra Frente Sempre

“Eu fui a valência duas vezes no Brasil nos primeiros dois anos. Não tinha dinheiro para comer. Eu culpava todo mundo pela situação que estava passando. Foi aí que eu percebi que tinha uma péssima percepção do que é dinheiro” disse em entrevista ao apresentador Marcos Scaldelai.

A junção dessas experiências resultou em ensinamentos e dicas que estão em seu livro Eu vou te ensinar a ser rico. Na obra, o especialista desmistifica estereótipos e resume em três passos simples como quitar as dívidas em doze meses, mesmo com pouco dinheiro, e a partir disso construir a própria liberdade financeira.

Embora, frear o consumismo e poupar diante de tantas propagandas não seja uma tarefa fácil, tanto que milhões de brasileiros utilizam o limite do cartão de crédito e o cheque especial para cobrir dívidas, contas em atraso e despesas da casa, além de contraírem empréstimos, o especialista traz nas páginas do seu livro as instruções necessárias para atingir o objetivo.

Determinação:  Alexandre Iódice comenta este conceito de negócio

“Sem conhecer as regras do jogo, o brasileiro tem se tornado especialista em malabarismo financeiro para tapar o buraco dos juros sobre juros, das multas e outras cobranças derivadas do crédito que adquiriu. Não é possível administrar bem o que ganha sem a mentalidade correta. Para sair do buraco, primeiro é preciso parar de cavar” aconselha.

O livro está à venda em todas as livrarias do país.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.