Tamanho do texto

Queda na atividade manufatureira, devido ao feriado e ao casamento real, explica desempenho fraco do país

A economia da Grã-Bretanha cresceu apenas 0,2% no segundo trimestre sobre o primeiro, devido a uma queda da atividade manufatureira.

A Agência Nacional de Estatísticas acrescentou nesta sexta-feira que a expansão na comparação com igual período de 2010 foi de 0,7%, em linha com a previsão de analistas.

O setor de serviços foi o principal motor do crescimento, enquanto a indústria caiu 1,6%, pior leitura desde o início de 2009.

A expansão no segundo trimestre foi abatida por uma série de fatores, incluindo um feriado extra devido ao casamento real, e problemas nas cadeias de distribuição em razão do terremoto de março no Japão, disse a agência.