Tamanho do texto

Empresário quer construir local discreto; trâmites podem levar dois anos até que recebam sinal verde das autoridades

Donald Trump quer transformar campo de golfe em cemitério
Getty Images
Donald Trump quer transformar campo de golfe em cemitério
O magnata americano Donald Trump planeja construir um cemitério "muito discreto" para ele e sua família em seu clube de golfe de Bedminster (Nova Jersey), publicou nesta terça-feira o jornal "Star Ledger". Trump pretende que os membros do clube, que pagam US$ 300 mil ao ano, possam ser enterrados em um cemitério de seis mil metros quadrados que seria construído próximo ao complexo esportivo e contaria com uma área especial para o multimilionário e sua família, explicou seu assessor Ed Russo.

"Trump e eu temos a mesma idade: 65 anos. É uma realidade que todo mundo tenta ignorar, mas nós estamos começando a pensar nisso", declarou Russo. O assessor do milionário afirmou que o cemitério "será muito discreto, não uma manifestação estridente para chamar a atenção" e acrescentou que ambos querem garantir que "tudo aconteça de forma respeitosa e apropriada".

Russo destacou ainda que os sócios do Trump National Golf Club "apoiam totalmente" o projeto. "Onde você prefere descansar: em algum cemitério que, duas gerações depois, ninguém lembrará onde você está, ou em um campo de golfe, onde as gerações futuras aproveitarão seu tempo livre?", questionou Russo. No entanto, os trâmites podem levar dois anos até que recebam sinal verde das autoridades locais, acrescentou o "Star Ledger".

Esta não é a primeira tentativa de Trump, dono de um império imobiliário no qual trabalham mais de 20 mil empregados, de destinar as instalações de seu campo de golfe a outros usos. Em 2007, propôs erguer nele uma luxuosa capela nupcial que se transformaria posteriormente no mausoléu da família, mas as críticas e a possível interferência no funcionamento normal do campo fizeram-no desistir do projeto, lembrou o jornal.

    Leia tudo sobre: Donald Trump