Tamanho do texto

País gera 117 mil novas vagas de trabalho no mês, acima da expectativa do mercado

A taxa de desemprego nos Estados Unidos recuou de 9,2% para 9,1% em julho. A geração de novas vagas de trabalho no mês veio bem acima da expectativa do mercado – foram criados 117 mil postos de trabalho, ante projeção de 75 mil vagas.

Os dados foram divulgados nesta sexta-feira pelo Departamento do Trabalho americano, que também revisou para cima o payroll dos dois meses anteriores – para 46 mil vagas em junho e 53 mil vagas em maio.

O relatório mostrou que o setor privado, que corresponde a 70% da força de trabalho dos EUA, criou 154 mil empregos em julho, acima dos 80 mil de junho. O setor de manufatura abriu 24 mil vagas, mais do que o dobro do registrado um mês antes. Até mesmo o debilitado setor de construção teve bom desempenho, com aumento de 8 mil no número de empregos.

No entanto, o setor público continuou reduzindo a quantidade de postos de trabalho, com queda de 37 mil em julho, pelo nono mês seguido.

Do total de 6,2 milhões de norte-americanos desempregados em julho, 44,4% estavam sem emprego há mais de seis meses.

A renda dos norte-americanos cresceu moderadamente. Os ganhos médios por hora aumentaram US$ 0,10, para US$ 23,13. Durante o último ano, os ganhos subiram apenas 2,3%.

( Com AE )


    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.