Tamanho do texto

SÃO PAULO - O governo de São Paulo, por meio da Secretaria do Desenvolvimento, pretende montar um plano de requalificação profissional para os trabalhadores que foram demitidos nesta semana da Empresa Brasileira de Aeronáutica (Embraer).

O anúncio foi feito após reunião realizada ontem (20) entre o governador do estado, José Serra, os secretários do Desenvolvimento, Geraldo Alckmin, e do Emprego e Relações do Trabalho, Guilherme Afif Domingos, e o prefeito de São José dos Campos, Eduardo Cury.

A idéia é primeiro fazer uma pesquisa com todos os trabalhadores demitidos para levantar detalhes de sua experiência e formação profissional. Depois, elaborar cursos profissionais que sejam adequados às necessidades desses trabalhadores. Em nota, o governo paulista diz já ter convocado o Departamento de Recursos Humanos da Embraer para fornecer informações sobre todas as pessoas que foram demitidas pela empresa.

Há também a intenção de se criar um campo especial, dentro do programa Emprega São Paulo - um sistema de busca e oferta de vagas de emprego na internet ¿ para que todos os demitidos possam colocar seus dados à disposição dos empregadores. Isso, segundo o governo, poderia facilitar a recolocação desses profissionais demitidos no mercado de trabalho.

Leia também:

Leia mais sobre: Embraer

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.