Tamanho do texto

Autoridade do governo grego ainda afirmou que economia do país pode encolher mais de 6% este ano

O déficit orçamentário da Grécia deve atingir cerca de 10% do PIB este ano, acima da meta já revisada de 9%, segundo informou uma importante autoridade do governo. Essa fonte disse ainda que a economia grega pode encolher mais de 6% este ano, também acima da estimativa de uma contração de 5,5%.

Leia também: Grécia não conseguirá cumprir meta do déficit público para 2011

"Nós tivemos um sério problema na arrecadação de impostos, pois muitas pessoas não conseguiram pagar os impostos mais elevados", disse a autoridade, que tem conhecimento direto do planejamento econômico do governo. "Em 2012, nós vamos entrar no quinto ano de recessão e há dúvidas se voltaremos a crescer em 2013. Não há crescimento, os bancos não estão emprestando, o desemprego está crescendo e as pessoas só gastam com comida. O mercado está totalmente seco", comentou.

Apesar de dois anos de duras medidas de austeridade e da rígida fiscalização da chamada troica de inspetores internacionais (formando pela Comissão Europeia, o Fundo Monetário Internacional e o Banco Central Europeu), a Grécia não tem conseguido atingir as metas de déficit.

Os cortes de gastos, os atrasos na implementação de reformas econômicas importantes (incluindo privatizações) e a falta de um combate mais agressivo à corrupção levaram o país a uma recessão sem precedentes. "A previsão é que o PIB encolha 2,8% em 2012, no quinto ano de recessão. Isso nunca aconteceu antes em um país do mundo desenvolvido", comentou a autoridade. As informações são da Dow Jones.

Saiba mais sobre a crise na Europa e entenda quem são os “Piigs”