Tamanho do texto

George Osborne disse que Grã-Bretanha deve fazer empréstimos ou aumentar os gastos para atingir metas orçamentárias

Reuters

O ministro das Finanças britânico, George Osborne, afirmou neste domingo que vai se deter a seu programa de redução de déficit assim que apresentar um relatório fiscal semestral na quarta-feira, apesar do fraco crescimento econômico.

"Estamos claramente levando mais tempo para lidar com as dívidas britânicas. Estamos claramente levando mais tempo para a recuperação com a crise financeira do que esperávamos, mas, para voltarmos atrás agora (nos compromissos para se controlar a dívida), seria um completo desastre", disse o ministro em entrevista à BBC.

Osborne evitou comentar mais especificamente sobre se seria capaz de atingir as metas orçamentárias, mas ressaltou que a Grã-Bretanha devesse fazer empréstimos ou aumentar os gastos.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.