Tamanho do texto

Ajuda de credores estrangeiros estava condicionada a mais medidas de aperto fiscal

Reuters

O governo da Grécia obteve votos suficientes no Parlamento na quinta-feira (horário local) para aprovar as impopulares medidas de austeridade essenciais para o país receber mais ajuda dos credores estrangeiros.

O premiê grego Antonis Samaras durante reunião do parlamento nesta quarta-feira
AP Photo/Thanassis Stavrakis
O premiê grego Antonis Samaras durante reunião do parlamento nesta quarta-feira


A frágil coalizão de três partidos conseguiu garantir pelo menos 151 votos necessários para a aprovação do pacote de corte de gastos, elevação de impostos e reformas trabalhistas, apesar de o jovem Partido Esquerda Democrática se recusar a apoiá-lo.

(Reportagem de Harry Papachristou e Renee Maltezou)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.