Tamanho do texto

Segundo o Instituto Nacional de Estatísticas (INE), a taxa de desemprego chegou a 25,02% no terceiro trimestre, sendo mais de 52% na faixa etária entre 16 e 24 anos

AFP

O desemprego registrou alta de 2,73% em outubro na Espanha, elevando o número de pessoas em idade ativa sem trabalho a 4,83 milhões, anunciou o ministério do Trabalho, em meio à rígida política de austeridade, que ameaça atrasar o fim da recessão no país.

A quarta economia da Eurozona registrou em outubro 128.242 desempregados a mais que em setembro, enquanto em 12 meses 472.595 pessoas perderam o emprego (+10,84%), o que eleva o número total de pessoas sem trabalho a 4.833.521.

Segundo o Instituto Nacional de Estatísticas (INE), que utiliza um método de cálculo diferente, a taxa de desemprego chegou a 25,02% no terceiro trimestre (mais de 52% na faixa etária 16-24 anos), o maior nível, depois da Grécia, no mundo industrializado.

Mas o governo mantém a previsão que ao fim de 2012 o desemprego será de 24,6%, antes de reduzir a 23,3% em 2013.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.