Tamanho do texto

Segundo o comissário de Assuntos Econômicos e Monetários da União Europeia, Olli Rehn, país apresentará um cronograma detalhado para garantir que cumprirá s metas de déficit orçamentário

Reuters

A Espanha apresentará até o final de setembro um novo pacote de reformas estruturais, incluindo um cronograma detalhado, para garantir que cumprirá suas metas de déficit orçamentário deste ano, afirmou nesta sexta-feira o comissário de Assuntos Econômicos e Monetários da União Europeia (UE), Olli Rehn.

"Sobre política fiscal e reformas estruturais, é essencial manter a dinâmica. (O ministro da Economia da Espanha, Luis) De Guindos expressou muito claramente que a Espanha está pronta para tomar as ações necessárias para atingir as metas fiscais, que certamente estão ao alcance", disse Rehn em entrevista após encontrar ministros das Finanças da zona do euro em Nicósia, Chipre.

"O ministro De Guindos também informou ao Eurogroup hoje que o governo espanhol pretende adotar um programa de reforma nacional até o final de setembro baseado em recomendações da União Europeia, com compromissos muito claros e cronogramas precisos", disse Rehn.

Fontes afirmaram à Reuters que a Espanha estava discutindo as condições do programa de compra de títulos dos fundos de resgate da zona do euro e do Banco Central Europeu (BCE) baseada nas questões da Comissão Europeia em maio.