Tamanho do texto

Período registrou os maiores aumentos de preços nos setores de transportes (2,7%), comunicações (0,4%), e lazer, espetáculos e cultura (0,3%)

EFE

A inflação anualizada italiana se situou em 3,2% em agosto, contra 3,1% do mês anterior, segundo dados definitivos divulgados nesta quinta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística da Itália (Istat) e com os quais se confirmam as previsões divulgadas há duas semanas.

Segundo os mesmos dados, o Índice Harmonizado de Preços ao Consumidor se situou em 3,3% anualizado em agosto, 0,2 pontos percentuais a menos que os dados preliminares do final de agosto.

Por grupos, e quando se compara com os dados do mesmo mês de 2011, em agosto os incrementos de preços mais significativos foram registrados no setor de imóveis, provisões e combustíveis (7,1%), bebidas alcoólicas e tabaco (6,3%) e transportes (6,2%).

Em relação ao mês de julho, agosto registrou os maiores aumentos de preços no setor de transportes (2,7%), comunicações (0,4%), e lazer, espetáculos e cultura (0,3%).