Tamanho do texto

Segundo a autoridade monetária da Europa, crescimento econômico na zona do euro deve permanecer fraco e "altas incertezas" estão pesando sobre a confiança

Reuters

O crescimento econômico na zona do euro deve permanecer fraco e "altas incertezas" estão pesando sobre a confiança, informou o Banco Central Europeu (BCE) em seu boletim mensal, acrescentando que as expectativas de inflação permanecem firmemente ancoradas.

O BCE manteve sua principal taxa de juros em uma mínima recorde de 0,75% na semana passada, mas disse que a economia da zona do euro vai provavelmente contrair mais do que o esperado anteriormente neste ano.

Como sempre, o editorial do boletim do banco foi virtualmente idêntico ao seu comunicado de política, lido pelo presidente Mario Draghi após sua reunião na última quinta-feira.

"As expectativas de inflação para a economia da zona do euro continuam firmemente ancoradas", disse o BCE no boletim.

"O crescimento econômico na zona do euro deve permanecer fraco, com as contínuas tensões nos mercados financeiros e altas incertezas pesando sobre a confiança e o sentimento."

"Olhando além do curto prazo, esperamos que a economia da zona do euro se recupere apenas gradualmente", disse o BCE.