Tamanho do texto

Economia italiana, terceira maior da zona do euro, é afetada pela crise da dívida e pelos planos de austeridade implementados pelo governo

O Produto Interno Bruto (PIB) da Itália registrou contração de 0,8% no segundo trimestre na comparação com os três primeiros meses do ano, com uma queda de 2,6% em ritmo anual, anunciou o instituto de estatísticas Istat.

Banco da França confirma contração do PIB no 3º trimestre

O Istat revisou para baixo a estimativa inicial para o segundo trimestre publicada em agosto (-0,7% na comparação com o primeiro trimestre, -2,5% em ritmo anual).

A economia da Itália, terceira maior da Eurozona, é afetada pela crise da dívida e pelos planos de austeridade implementados pelo governo. O PIB do país registra crescimento negativo desde o terceiro trimestre de 2011, o que deixa o país em recessão há quase um ano.

Apesar dos importantes progressos registrados no governo "técnico" de Mario Monti, analistas advertem para grandes dúvidas no período que começa com as legislativas de 2013.