Tamanho do texto

Coalizão governamental da Grécia indica ainda que também buscará ampliar o auxílio-desemprego e limitar as demissões no setor público

Reuters

Os três partidos que formam a nova coalizão governamental da Grécia concordaram em pedir a credores mais dois anos para atender metas fiscais segundo um resgate internacional que tem salvado o país de um colapso, afirmou nesta quinta-feira uma autoridade de um partido.

VejaBanqueiro Vassilios Rapanos será novo ministro das Finanças da Grécia

Segundo um documento acordado entre os três partidos, o governo também buscará ampliar o auxílio-desemprego e limitar as demissões no setor público, afirmou à Reuters a fonte do partido Esquerda Democrática.

TambémSangria em bancos gregos é contida após eleição

O documento será entregue para aprovação em uma reunião nesta quinta-feira entre líderes do conservador Nova Democracia, o socialista Pasok e o Esquerda Democrata.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.