Tamanho do texto

Projeções mostram leve revisão em baixa em relação às apresentadas no início deste ano. Para economistas da organização, situação global é "preocupante"

O Produto Interno Bruto (PIB) mundial crescerá 2,5% em 2012 e 3,1% em 2013, segundo projeção divulgada nesta quinta-feira por especialistas da Organização das Nações Unidas (ONU), que também apontaram que a crise da dívida na zona do euro é a "mais grave ameaça" para a economia global.

Veja mais:  Economia brasileira cresce 0,2% no 1º trimestre de 2012

Essas projeções constituem "uma leve revisão em baixa" em relação às apresentadas no início deste ano, diz o relatório sobre a situação e as perspectivas da economia mundial em 2012 divulgado hoje pelo Departamento de Estudos Econômicos e Sociais da ONU.

Após lembrar que em 2011 o PIB global cresceu 2,7%, os analistas da ONU, que classificaram de "preocupante" a situação econômica mundial, previram "um crescimento econômico fraco em 2012, com a maior parte das regiões avançando num ritmo inferior ao seu potencial".

Leia ainda:  Merkel diz que levará anos para resolver crise na Europa

O documento prevê que o crescimento do comércio mundial também diminuirá em 2012 até ficar em 4,1%, frente ao aumento de 13,1% de 2010 e de 6,6% em 2011. Para os países em desenvolvimento a ONU prevê um crescimento econômico global de 5,3% em 2012.

A expansão na América Latina ficará em 3,7% neste ano e em 4,2% em 2013. De todas as regiões, a zona do euro é a que mais preocupa os analistas, que consideram que a "crise da dívida é a ameaça mais grave que enfrenta a economia mundial".

Leia mais sobre Crise Econômica

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.