Tamanho do texto

Relatório do  Fundo Monetário Internacional será publicado na próxima segunda-feira e também estima a necessidade de R$ 229 bilhões para limpar todo setor bancário

Um relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI) sobre os bancos espanhóis irá mostrar que as instituições com problemas do país vão precisar de uma injeção de dinheiro de pelo menos 40 bilhões de euros (R$ 102 bilhões), disseram fontes do setor financeiro nesta quinta-feira.

O relatório, que deve ser publicado na próxima segunda-feira, também vai delinear as necessidades gerais de 90 bilhões de euros (R$ 229 bilhões) para limpar todo o setor bancário, com os bancos saudáveis cobrindo uma grande parte deste montante, disse uma das fontes.

Fontes do governo se recusaram a confirmar os números e uma fonte informada sobre o assunto advertiu que o FMI pode não ter concluído as suas estimativas.

Leia mais:  UE diz que necessidades dos bancos espanhois são "absurdas"

Veja também:  Merkel diz que levará anos para resolver crise na Europa

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.