Tamanho do texto

Foi registrada queda de 1,9% em abril na comparação com março;  categoria de bens de capital caiu 3,3%, enquanto a de bens de consumo recuou 5%

As encomendas à indústria da Alemanha caíram mais que o esperado em abril, reflexo da baixa nas encomendas externas, principalmente de fora da zona do euro, de acordo com dados divulgados hoje pelo Ministério da Economia do país.

Foi registrada queda de 1,9% em abril na comparação com março (dados ajustados sazonalmente), quando subiu 3,2%, superando a previsão dos analistas, que era de queda de entre 1% e 1,1%.

Na comparação com abril de 2011, as encomendas à indústria caíram 3,7%.

O resultado sugere que a maior economia da zona do euro enfraqueceu em abril, depois de apresentar um resultado forte em março, além de indicar que a Alemanha pode ter de não se apoiar nas vendas para seus parceiros comerciais de fora da zona do euro para compensar a fraca demanda de dentro do bloco.

As encomendas para os países da zona do euro caíram 1,8%, enquanto para fora do grupo recuaram 4,7% em abril ante março. Na contramão, as encomendas domésticas subiram 0,4%.

A categoria de bens de capital caiu 3,3% em abril, enquanto a de bens de consumo baixou 5%, utilizando-se a mesma base de comparação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.