Tamanho do texto

Para primeiro-ministro espanhol, país conseguirá superar dificuldades com "esforços próprios" e com o apoio dos parceiros da União Europeia

O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, afirmou neste sábado que o país não está "à beira do precipício", e não vai "naufragar", mas "sairá da tempestade" com o apoio da União Europeia (UE).

LeiaEspanha sofre fuga recorde de capitais em março, diz El País

"A Espanha sairá da tempestade com esforços próprios e com o apoio de nossos parceiros comunitários", disse o governante no encerramento da 28ª edição das reuniões organizadas pelo Círculo de Economia na cidade de Sitges, na Catalunha.

VejaObras faraônicas fazem regiões da Espanha deverem o que não têm

As declarações de Rajoy foram dadas no fim de uma semana na qual as dúvidas sobre o sistema financeiro espanhol castigaram o país nos mercados financeiros. O prêmio de risco nacional, por exemplo, atingiu sua pior marca desde a adoção do euro - 547,9 pontos básicos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.