Tamanho do texto

Os credores do Dubai World vão rejeitar o pedido de moratória apresentado pelo conglomerado público do emirado, o que ameaça atrasar as negociações sobre a enorme dívida em jogo, afirmou nesta sexta-feira o jornal britânico The Guardian.

Segundo uma fonte envolvida nas negociações entre o conglomerado e seus credores citada pelo jornal, não haverá acordo sorbre uma moratória.

The Guardian acrescenta que a negativa de uma moratória precipitará de forma automática um cessar dos pagamentos do Dubai World e conduzirá a uma batalha com credores em torno da reestruturação do grupo público, do qual o governo de Dubai pareceu se afastar esta semana ao indicar que jamais havia se apresentado como avalista de suas dívidas.

Dubai World tem de reestrutura uma dívida de 25 bilhões de dólares e espera obter um prazo de seis meses a mais para para seus reembolsos.

fpo/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.