Tamanho do texto

Decisão foi inesperada; agência de classificação de risco rebaixou a classificação de cinco seguradoras após corte na nota dos EUA

Warren Buffett
Getty Images
Warren Buffett

A Standard & Poor's rebaixou a perspectiva de risco de crédito do conglomerado do megainvestidor Warren Buffett de “estável” para “negativa”, segundo a CNBC. O corte faz parte de um movimento mais amplo, envolvendo 10 seguradoras, após o rebaixamento da classificação de risco dos Estados Unidos.

A S&P rebaixou a nota de cinco seguradoras de “AAA” (triple A) para “AA+” como avisou que faria. As seguradoras rebaixadas foram a Knights of Columbus, New York Life, Northwestern Mutual, TIAA e USAA.

Mas a agência também revisou, inesperadamente, a perspectiva de outras cinco seguradoras que já possuem a nota “AA+” de estável para negativa, incluindo a Berkshire.

A S&P deixou claro que a decisão deve-se unicamente ao rebaixamento da classificaçao dos EUA na sexta-feira, e alertou que, se o país for novamente rebaixado, as notas das seguradoras também serão cortadas.