Tamanho do texto

SÃO PAULO - O presidente da Comissão Européia, João Manuel Durão Barroso, pediu aos 27 integrantes da União Européia um plano de medidas contra a crise que conte com um orçamento de 1,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do bloco, o que soma 200 bilhões de euros, mais recursos do que o previsto.

Grande parte dos recursos virá dos Estados integrantes da União Européia e o restante sairá do orçamento comunitário, explicou Barroso.

A iniciativa é conhecida um dia depois de o governo americano anunciar novas ações para apoiar a economia do país, da ordem de US$ 800 bilhões, visando à recuperação do crédito.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.