Tamanho do texto

O primeiro-ministro da China, Wen Jiabao, disse que seu país está pronto a cooperar com a Europa no esforço para a superação da crise financeira. Tenho confiança de que vamos superar a crise financeira, disse Wen ao chegar à Suíça para participar do encontro do Fórum Econômico Mundial em Davos.

O primeiro-ministro chinês também deverá visitar a Alemanha, a Espanha, o Reino Unido e a sede da União Europeia em Bruxelas.

Funcionários da UE disseram em Bruxelas que vão exortar Wen a dar tanto estímulo fiscal quanto possível à economia chinesa, na expectativa de que uma aceleração da demanda doméstica na China possa contribuir para dar sustentação à economia global. Wen estará em Bruxelas na quinta-feira e na sexta.

Em novembro passado, o governo da China anunciou um pacote de estímulo à economia de 4 trilhões de yuans (US$ 585 bilhões); os funcionários da UE disseram esperar que a China faça mais do que isso. "É claro que permanecem dúvidas quanto à velocidade e à força do estímulo deles. Esperamos que eles façam a sua parte", afirmou um deles. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.