Tamanho do texto

Segundo o presidente da Venezuela, a decisão será tomada por seus médicos

 O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, afirmou nesta sexta-feira que ainda não sabe se participará da 6ª Cúpula das Américas, em Cartagena das Indias, na Colômbia, e que a decisão será tomada por seus médicos. "Eu ainda não sei se vou a Cartagena porque, na verdade, não sou eu que vou decidir, mas os médicos. Teremos que avaliar nas próximas horas", declarou o presidente venezuelano, que retornou na quarta-feira a seu país após submeter-se a sessões de radioterapia em Cuba.

Leia também: EUA pedem alta participação na Cúpula das Américas

Chávez perguntou a seus seguidores se queriam que fosse à reunião ao que majoritariamente responderam que não, pedindo que o líder repousasse. "Não é fácil repousar para quem, como eu, esteve lutando toda a vida, mas devo ser disciplinado. Repouso é repouso", declarou. O presidente venezuelano chegou esta semana a seu país após submeter-se o terceiro ciclo de radioterapia, tratamento que segue desde que foi operado no dia 26 de fevereiro de um novo tumor canceroso, recorrência do câncer que operou em junho do ano passado também na ilha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.