Tamanho do texto

Montevidéu - Os ministros das Relações Exteriores e de Economia do Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, que integram o Grupo Mercado Comum (GMC) do Mercosul, reúnem-se nesta segunda-feira, em Montevidéu, para preparar a cúpula de presidentes que será realizada amanhã.

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=economia%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237575378966&_c_=MiGComponente_C

No encontro, que começou às 10h30 (mesma hora de Brasília) no Edifício Mercosul, o Uruguai apresenta o relatório de sua gestão como presidente "pro tempore" do bloco no segundo semestre de 2009.

O relatório está a cargo do diretor de Política Econômica, Integração e Mercosul do Ministério das Relações Exteriores do Uruguai, Walter Cancela, disseram à Agência Efe fontes da delegação local.

Amanhã, o chefe de Estado uruguaio, Tabaré Vázquez, passará a Presidência à governante argentina, Cristina Fernández de Kirchner.

Representando o Brasil, estão o secretário-geral de Relações Exteriores, Antonio de Aguiar Patriota, e o chefe do escritório do Ministério da Fazenda, Luiz Eduardo Melin.

O encontro também conta com a participação dos ministros das Relações Exteriores e de Economia da Argentina, Jorge Taiana e Amado Boudou; e do Uruguai, Pedro Vaz e Álvaro García.

O Paraguai está representado pelo vice-ministro das Relações Exteriores, Jorge Lara Castro, e o vice-ministro de Fazenda, Manuel Vidal Caballero.

Para a tarde está previsto que o Grupo Mercado Comum se reúna com os representantes dos Estados associados ao bloco.

Leia mais sobre: Mercosul

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.