Tamanho do texto

Canal se chamará "Ora TV" e será dirigido por ex-presidente da unidade de jornalismo digital da News Corporation, de Murdoch

O bilionário mexicano Carlos Slim, o homem mais rico do mundo segundo a revista "Forbes" , financiará o novo canal de televisão online "Ora TV", que marcará a volta aos estúdios do popular entrevistador Larry King. O site de Slim informou nesta segunda-feira que o "Ora TV" será lançado neste ano e será dirigido por John Houseman, o ex-presidente da unidade de jornalismo digital da News Corporation, império midiático do magnata Rupert Murdoch.

Leia também: Lista da Forbes: 1.226 pessoas que têm o dobro do PIB do Brasil

A plataforma criará uma ampla gama de programas de conteúdos próprios sob demanda que superarão os formatos tradicionais e poderão ser baixados ou vistos em streaming em televisores com acesso à rede, computadores, tablets e celulares. O "Ora TV" terá sede em Nova York e será financiado pela América Móvil, maior operadora de telefonia da América Latina e controlada pela família Slim.

O empresário mexicano, de 72 anos, foi eleito na semana passada pelo terceiro ano consecutivo como o dono da maior fortuna pessoal do planeta, US$ 69 bilhões de acordo com os dados da "Forbes". Slim manteve a liderança do ranking, apesar de no ano passado seu patrimônio ter diminuído em US$ 5 bilhões devido às perdas financeiras da América Móvil, que representa mais da metade de seu patrimônio líquido.

Leia também: Brasil bate recorde e tem 36 bilionários na lista da Forbes

O "Ora TV" também marcará o esperado retorno aos estúdios do entrevistador americano Larry King, que em dezembro de 2010 pôs fim a 25 anos de seu programa "Larry King Live" na emissora "CNN", com uma emocionada transmissão final que contou com a participação do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. King tem há muito tempo uma estreita relação pessoal com Slim, que o convidou para participar de várias conferências no México.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.