Tamanho do texto

British Airways, American Airlines e a Iberia assinaram acordo de compartilhamento de vôos. Se aprovado pelos órgãos reguladores, o acordo permitirá que elas estabeleçam preços conjuntamente e compartilhem assentos em vôos transatlânticos.

Para Richard Branson, da concorrente Virgin Atlantic, a iniciativa poderá gerar um "monstro monopolista".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.