Tamanho do texto

Ministro de Minas e Energia disse que será possível chegar a uma solução sobre os royalities entre os Estados

O Brasil poderá chegar a ter reservas de 150 bilhões de barris de petróleo, segundo as estimativas mais otimistas, disse o ministro de Minas Energia, Edison Lobão, em cerimônia de posse da nova diretora da Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP).

Leia também: "Protocolos de segurança devem ser cumpridos", diz Dilma Rousseff

O ministro disse ainda que está convencido que será possível chegar a uma boa solução sobre as negociações de um novo marco regulatório no Congresso, emperradas por conta das discussões sobre a distribuição dos royalties entre Estados produtores e não produtores.

Sobre as reservas provadas de petróleo do Brasil, a nova diretora da ANP, Magda Chambriard, disse que estas poderão dobrar dos atuais 15 bilhões para 30 bilhões de barris "no futuro próximo".

A diretora afirmou que entre as ações em vista na sua gestão estão a descentralização da atividade exploratória, com o objetivo de incentivar a produção na maioria dos Estados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.