Tamanho do texto

O presidente do Bradesco, Márcio Cypriano, afirmou ontem que o atual momento não é oportuno para compras de bancos tanto no exterior como no Brasil. Na avaliação do executivo, o mercado brasileiro já está consolidado.

"Estaríamos propensos a estudar novos movimentos, mas neste movimento não há nada em vista", disse.

De acordo com Cypriano, o Bradesco não faria compras oportunistas neste momento em que as instituições financeiras não estão com preços avaliados corretamente. Por esse motivo, o banco pretende crescer de forma orgânica, com a abertura de novas agências.

O executivo não vê a possibilidade de as instituições financeiras estrangeiros venderem suas atividades no Brasil. "O mercado brasileiro oferece uma boa rentabilidade para as matrizes."

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.