Tamanho do texto

As principais bolsas europeias fecharam em alta modesta ao final de uma sessão volátil, em meio ao alívio no setor bancário depois que o britânico Barclays anunciou uma queda de apenas 1% no lucro líquido em 2008. Além disso, os investidores continuam à espera dos detalhes de um pacote de medidas para reforçar a economia e o setor bancário dos EUA, segundo operadores e analistas.

Em Londres, o índice FT-100 subiu 15,74 pontos, ou 0,37%, e fechou com 4.307,61 pontos; em Paris, o índice CAC-40 avançou 12,08 pontos, ou 0,39%, e fechou com 3.134,87 pontos; em Frankfurt, o índice Xetra DAX subiu 22,19 pontos, ou 0,48%, e fechou com 4.666,82 pontos.

Entre as ações que mais subiram, as do Barclays fecharam em alta de 10,88% em Londres, depois de o banco anunciar uma queda de 1% no lucro líquido para 4,38 bilhões de libras esterlinas, uma vez que vários ganhos de impacto único ajudaram a compensar a baixa contábil de mais de 8 bilhões de libras.

As ações do Unicredito subiram 5,12% em Milão, depois de investidores institucionais agirem no final de semana para prover os fundos necessários para o banco completar seu aumento de capital de 3 bilhões de euros. Em Frankfurt, as ações do Deutsche Bank subiram 6,18%, enquanto em Paris as ações da seguradora Axa fecharam em alta de 4,07%.

Mas nem todas as ações financeiras tiveram um bom desempenho: as ações da cedente de crédito suíça Credit Suisse fecharam em baixa de 5,10%. No final de semana, o jornal de língua alemã NZZ am Sonntag informou que o banco vai anunciar um prejuízo de 8 bilhões de francos suíços nesta semana.

As ações da NYSE Euronext - operadora da Bolsa de Valores de Nova York, bolsas Euronext e da bolsa de futuros Liffe - caíram 9,7% em Paris, depois que a companhia anunciou que saiu de lucro para um prejuízo de US$ 1,34 bilhão no quarto trimestre.

Também em Paris, as ações das montadoras Peugeot e Renault subiram 3,90% e 7,16%, respectivamente, em reação às notícias de que o governo francês está preparando um empréstimo de 3 bilhões de euros para cada uma, como parte de um pacote de ajuda para o setor, segundo a mídia local. A ajuda pode ser maior se o governo decidir ajudar a Renault Trucks, que é de propriedade da Volvo. Em Estocolmo, as ações da Volvo fecharam em alta de 11,33%.

Em Milão, o índice S&P/MIB subiu 229 pontos, ou 1,24%, e fechou com 18.663 pontos; em Madri, o índice Ibex-35 avançou 40,10 pontos, ou 0,47%, e fechou com 8.584,80 pontos; em Lisboa, o índice PSI-20 subiu 16,33 pontos, ou 0,25%, e fechou com 6.475,07 pontos. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.