Tamanho do texto

Assim como em Wall Street na véspera, os mercados asiáticos tiveram sinais variados nesta quinta-feira. A expectativa em relação ao resultado das discussões sobre o pacote de US$ 700 bilhões para ajudar o setor financeiro dos Estados Unidos manteve os investidores apreensivos, em particular quanto às alterações que podem ser feitas para que o plano seja aprovado.

A Bolsa de Hong Kong encerrou o pregão da manhã em alta, por conta da disparada no mercado chinês, mas as preocupações sobre o atraso na aprovação do pacote norte-americano fizeram o mercado fechar em ligeira queda ao término da sessão. O índice Hang Seng perdeu 27,56 pontos, ou 0,2% e terminou aos 18.934,43 pontos.

As esperanças de que mais companhias controladoras imitem o exemplo da China Unicom Group, que aumentou a participação em uma de suas empresas listadas, fortaleceram a demanda pelas blue chips, o que levou as Bolsas da China a fechar em forte alta. O índice Xangai Composto subiu 3,6% e encerrou aos 2.297,50 pontos. Já o Shenzhen Composto ganhou 3,1% e terminou aos 607,79 pontos. Yuan - O aumento da liquidez interna do dólar ajudou o yuan a se valorizar em relação à moeda norte-americana, à medida que os bancos chineses lutavam para encontrar investimentos externos para seus dólares. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em de 6,8170 yuans, de 6,8237 yuans do fechamento de quarta-feira.

A Bolsa de Taipé , em Taiwan, apresentou nova baixa, influenciada pelas notícias dos EUA. Com fraco volume de negociações, o índice Taiwan Weighted perdeu 1,2% e encerrou aos 6.060,83 pontos. Na Coréia do Sul, o discurso de Bush e a expectativa de aprovação do pacote levaram o índice Kospi da Bolsa de Seul a uma alta de 0,4%, fechando aos 1.501,63 pontos. Na Bolsa de Manila , nas Filipinas, os investidores saíram em busca de ações baratas e o índice PSE Composto ganhou 2,23%, fechando aos 2.566,37 pontos. Já a Bolsa de Sydney , na Austrália, foi mais influenciada pela incerteza de Wall Street. O índice S&P/ASX 200 desceu 1,1% e fechou aos 4.927,4 pontos.

A Bolsa de Cingapura terminou em baixa com o retorno do pessimismo mostrado em Wall Street uma vez que investidores estão apreensivos que um impasse sobre o plano de resgate dos EUA ao setor financeiro possa prejudicar mais a economia. O índice Straits Times caiu 1,4% e fechou aos 2.444,24 pontos. Na Indonésia, o mercado teve baixa influenciada pela fraqueza da moeda e por quedas em várias bolsas asiáticas, em meio às contumazes preocupações sobre a crise financeira americana. O índice composto da Bolsa de Jacarta caiu 0,7% e fechou aos 1.870,06 pontos. O mercado tailandês teve ligeira alta, após uma sessão opaca. O índice SET da Bolsa de Bangcoc subiu 0,1% e fechou aos 621,14 pontos. Compras de pechinchas permitiram a reversão de baixa inicial. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur , na Malásia, recuou 0,4% e fechou aos 1.024,74 pontos. As informações são da Dow Jones

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.