Tamanho do texto

SÃO PAULO - As bolsas da China e Hong Kong fecharam em queda nesta jornada, revertendo os ganhos obtidos na sessão anterior, quando rumores de que as autoridades chinesas estavam estudando um plano de estímulo econômico impulsionaram as ações.

Os agentes nas praças asiáticas como um todo preferiram a cautela esta quinta-feira em meio a preocupações com o setor financeiro dos Estados Unidos e com a perspectiva para a economia global.

O Nikkei 225, de Tóquio, recuou 0,77%, ficando em 12.752,21 pontos, o menor nível desde 1º de abril. O Hang Seng, de Hong Kong, declinou 2,58%, para 20.392,06 pontos.

Em Seul, o Kospi caiu 1,83%, para 1.512,59 pontos. O Shanghai Composite, de Xangai, cedeu 3,63%, aos 2.431,72 pontos, um dia depois de avançar mais de 7%.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.